Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria Geral da União
Pedidos Inseridos: ( 78181 )
Seguidores

( 0 )
Seguindo

( 0 )
Avaliação
( 0 )

Pedidos:

Manifestação registrada na Ouvidoria do MDS, sob o protocolo 48997/2016

A manifestação requer que o Exmo. Sr. Presidente da República mande fazer uma investigação no que diz respeito, aos repasses das contribuições dos Servidores do Município de São Bento ao INSS, pela própria Prefeitura. Quando o servidor quer pegar a informação de suas contribuições na Agência do INSS (local), não é encontrado nada. No meu caso: sou funcionário público com nomeação desde o ano 2002. Mas, não encontro contribuições entre os anos 2013 a 2016, embora tenha havido descontos nos meus contracheques.

Em: 01/01/2017
Em Tramitação

Situação:
Em tramitação

Não Classificado Não Classificado
(Não verificado)

conta abusiva

reclamaçao de valores da conta oi

Em: 01/01/2017
Em Tramitação

Situação:
Em tramitação

Não Classificado Não Classificado
(Não verificado)

numero do pis

o numero do pis da minha carteira e 17035697347 ai quando vou acessar da erro .

Em: 01/01/2017
Em Tramitação

Situação:
Em tramitação

Não Classificado Não Classificado
(Não verificado)

Solicitação de Projetos de Lei

Prezados Senhores Solicito a imensa gentileza de me fornecerem os projetos de lei da Lei n.º 5.315/67, art. 53 do ADCT, da CF/1988, bem assim do Projeto de Lei da lei n.º 8.050/90, com todo o estudo, votos, pareceres, votos a favor, contrários, comentários, enfim, o estudo de tais leis ou dispositivo constitucional derivado (art. 53, do adct), capa a capa, de maneira que se tenha concretamente a real intenção do legislador. Para tanto, requeiro, igualmente, a exposição de motivos que embasaram tais projetos de lei ou leis em si. Muito grata, Vânia Affonso de Mello

Pedido enviado para: MJ – Ministério da Justiça
Em: 01/01/2017
Em Tramitação

Situação:
Em tramitação

Não Classificado Não Classificado
(Não verificado)

Denúncia assédio moral contra o Prof. Dr. Clóvis Carvalho Britto (UFS)

O Prof. Dr. Clóvis Carvalho Britto, do departamento de Museologia da UFS, usou de calúnia e difamação contra a minha pessoa me acusando publicamente de plágio via email enviado à todos os professores e direção do campus. Outros professores o apoiaram como o Prof. Michel Platini que me qualificou como "criminosa". O primeiro pedindo retratação pública e ameaçando me difamar na Rede de Professores de Museologia, além de usar dispositivos disciplinares da universidade. Tudo isso por eu ter escolhido pesquisar em minha monografia um tema que ele alega ser o mesmo que ele pesquisa há três anos. Que eu saiba, ninguém pode impedir ninguém de pesquisar o mesmo tema, pois há vários livros publicados nas livrarias sobre temas iguais com diferentes abordagens, segundo, porque eu sequer escrevi qualquer linha para ser falsamente acusada de plágio. Apenas usei um título "imaginação museal"que é do livro do museólogo Mario Chagas para aplicar num acervo que é público e está no IHGSE da Maria Thétis Nunes. Houve constrangimento público, há alunos falando mal de mim no campus e há pressão psicológica. Uso de poder de professor pra me coagir como aluna (assédio moral). O mesmo professor já teve outras denúncias de assédio que nunca foram à frente porque a universidade possui uma politicagem interna da direção de campus e reitoria que o protegem e assim ele vai surtando e fazendo novas vítimas. Esse professor me acusou falsamente de um crime, apoiado por outros do departamento, quero que isso seja apurado e ele seja penalizado nos rigores da lei por calúnia, difamação e danos morais a minha imagem.

Em: 02/01/2017
Em Tramitação

Situação:
Em tramitação

Não Classificado Não Classificado
(Não verificado)